sábado, 29 de junho de 2013

Ford Fusion 2.5 Flex é o carro oficial do Ethanol Summit 2013


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Imprensa Ford

O Ford Fusion 2.5 Flex é o carro oficial do Ethanol Summit, um dos principais eventos do mundo voltados para as energias renováveis, realizado em São Paulo pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA). O modelo é apresentado como um exemplo da viabilidade da tecnologia bicombustível em modelos de luxo.

Para o consultor de Emissões e Tecnologias da UNICA, Alfred Szwarc, o Ford Fusion mostra que a tecnologia flex está plenamente dominada no Brasil. "Henry Ford lançou a ideia dos carros flex na década de 1920 e certamente estaria feliz com esse novo lançamento da empresa que fundou", diz.

O Novo Fusion 2.5 Flex segue a estratégia da Ford de oferecer veículos com plataformas globais e soluções de motorização desenvolvidas para atender as características locais de cada mercado.

Conforme divulgado no Ethanol Summit, o Brasil conta hoje com uma frota de mais de 20 milhões de veículos flex, mas apenas um terço utiliza o etanol, o que mostra um grande potencial de crescimento. Em 2012, o consumo de combustíveis leves no Brasil cresceu 8%, comparado a uma evolução do PIB inferior a 1%. Até 2020, a projeção é que esse consumo tenha um aumento de 50%.

Tecnologia e sustentabilidade

O motor Duratec 2.5 Flex é um dos avanços que o sedã de luxo da Ford introduziu em sua nova geração global, combinando alto desempenho (175 cv com etanol) e sustentabilidade. O comando de válvulas variável e a construção em alumínio são fatores que contribuem para a redução do consumo de combustível, assim como a direção elétrica, a transmissão automática sequencial de seis velocidades e a aerodinâmica apurada da carroceria.

O carro avança na sustentabilidade sem abrir mão do alto padrão de luxo, segurança e conforto. Seus equipamentos incluem 8 airbags, sistema multimídia SYNC com navegação e comandos de voz em português, ar-condicionado automático digital, câmera de ré, faróis com acendimento automático, bancos de couro com ajuste elétrico e abertura das portas por código.

Peugeot amplia produção do crossover 2008


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Diretoria de Relações Externas e Peugeot Sport

Graças ao sucesso do novo crossover urbano, que já soma mais de 26 mil pedidos na Europa, Marca amplia a produção na fábrica de Mulhouse, na França. Lançado no mercado europeu há dois meses, o Peugeot 2008 também será comercializado no Brasil e contará com produção local, sobre a mesma plataforma do compacto 208, na planta de Porto Real (RJ).

A direção da fábrica da Peugeot em Mulhouse, na França, anunciou a ampliação da produção do crossover urbano 2008. Apenas dois meses depois de seu lançamento oficial o modelo já mostra resultados muito positivos, contabilizando mais de 26 mil pedidos na Europa, sendo mais de 12 mil na França, três mil na Itália e três mil na Alemanha, entre outros mercados. Desse total, 73% da demanda corresponde às versões superiores, ilustrando o posicionamento de alta gama adotado pela Marca.

A partir do mês de setembro a produção do modelo será ampliada progressivamente, passando de 310 unidades/dia para 520 unidades/dia. Em outubro, apenas um mês depois, esse total será ampliado para 615 veículos/dia. Em função desse aumento na produção, a planta de Mulhouse contará com uma equipe complementar de 200 novos colaboradores, transferidos das unidades industriais de Aulnay e Rennes. Devido ao grande sucesso do Peugeot 2008, a jornada de trabalho será ampliada em 13 dias de trabalho até o fim do ano de 2013.

FORD FOCUS É O MILIONÉSIMO VEÍCULO DA MARCA VENDIDO NA RÚSSIA


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Imprensa Ford

A Ford comemorou hoje a venda do seu milionésimo veículo na Rússia, um Focus, desde que a marca retornou a esse mercado em meados dos anos 1990. A Ford entrou no mercado russo em 1907, com a nomeação do seu primeiro distribuidor em São Petersburgo. Em 1991, criou uma rede de distribuição e em 2002 inaugurou sua primeira fábrica no país. Em 2011, formou a joint-venture Ford Sollers, que continua a crescer de forma consistente.

"Somos gratos pela lealdade e confiança que os clientes russos têm mostrado aos nossos veículos, desde que a Ford retornou a esse mercado na era moderna", diz Ted Cannis, presidente e CEO da Ford Sollers, joint-venture formada em partes iguais pela Ford e a Sollers. "Os resultados fortes de vendas do Focus mostram que ele é um dos modelos mais queridos não só na Rússia como em todo o mundo, onde foi o carro de passageiros mais vendido em 2012."

O plano de transformação da Ford tem como meta o retorno à rentabilidade na Europa até o meio da década. A Rússia é um dos mercados mais importantes para a marca na região e no ano passado suas vendas no país cresceram 11%, somando mais de 130.000 unidades.

Além do Focus, o Kuga, o Explorer e a Transit foram outros modelos que contribuíram para esse crescimento. No ano passado, as vendas do Kuga cresceram 45%, as do Explorer triplicaram e as da Transit aumentaram 56%. Desde 2003, o Focus é o líder de vendas entre os veículos de marcas estrangeiras e tornou-se a referência da indústria em segurança, qualidade e design.

O milionésimo veículo Ford na Rússia foi produzido na fábrica da Ford Sollers, próxima a São Petersburgo, e faz parte dos 600.000 Focus já adquiridos pelos consumidores russos.

Expansão russa

"Nós continuamos a entregar veículos que nossos clientes desejam e valorizam ao redor do globo, criando um mundo melhor e buscando o crescimento sustentável", diz Cannis. "A Rússia está a caminho de se tornar o maior mercado da Europa e representa uma enorme oportunidade de crescimento."

A Ford Sollers está acelerando o seu plano de crescimento no mercado russo com a construção de uma fábrica de motores em Elabuga, no Tatarstan, a primeira na região. A empresa também vai iniciar a produção do Novo EcoSport no segundo semestre de 2014 para atender a crescente demanda de utilitários esportivos, ampliando a sua linha já formada pelo Kuga e o Explorer. A Rússia é o primeiro país do mundo a produzir o Explorer fora dos Estados Unidos, desde abril último.

A venda de utilitários esportivos da Ford deve superar o desempenho da indústria nos próximos cinco anos, segundo a IHS Automotive, puxada pelos utilitários esportivos compactos, o segmento que vem crescendo de forma mais rápida em todo o mundo.

Entrega de 139 furgões para o Ministério da Justiça demonstra o crescimento das Vendas Corporativas da PSA Peugeot Citroën no Brasil



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Peugeot Citroën do Brasil Automóveis - Comunicação e Imprensa

A PSA Peugeot Citroën entregou hoje, em cerimônia em Tatuí, no interior de São Paulo, 139 furgões para o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça. Estes veículos fazem parte de um lote total de 215 unidades que integram uma concorrência pública vencida pela empresa. Esta conquista, que se soma a outras realizadas recentemente em licitações de diferentes órgãos públicos e de empresas privadas, é fruto de uma nova estratégia de Vendas Corporativas para as duas marcas do Grupo PSA, a Citroën e a Peugeot. O resultado é que, em apenas seis meses, a empresa vendeu 1.200 veículos para frotas governamentais, a grande parte para novos clientes.

O Grupo PSA vem conquistando e concretizando várias novas parcerias. Por exemplo, nos últimos meses, a empresa fechou contratos com diferentes órgãos públicos, como: Ministério da Saúde, Ministério da Defesa, Corpo de Bombeiros de São Paulo, Secretaria de Saúde do Rio e, hoje, com o Ministério da Justiça, por meio do DEPEN.

Definida em 2012, a nova estratégia de Vendas Corporativas da PSA Peugeot Citroën tem como base a oferta de uma ampla gama de veículos de passeio e utilitários, uma política comercial competitiva por segmento de mercado, a profissionalização da rede de concessionários no atendimento a frotistas e a excelência no atendimento comercial e de pós-vendas.

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Audi inaugura Usina de Transformação de Energia em Gás



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Departamento de Imprensa Audi Brasil

A Audi inaugurou sua fábrica de e-gás em Werlte, Alemanha, e, com isso, se tornou a primeira fabricante de automóveis a desenvolver uma cadeia produtiva de energia sustentável. Ela começa com eletricidade verde, água e dióxido de carbono. Os produtos finais são hidrogênio e metano sintético, ou: Audi e-gás.

A Audi está dando, já agora, um passo gigantesco em direção ao futuro da mobilidade”, disse Heinz Hollerweger, Chefe do Desenvolvimento de Veículos Completos, em seu discurso durante a inauguração. “A Audi é a única fábrica no mundo com esta tecnologia inovadora. Pesquisa de combustíveis sintéticos e sustentáveis é o núcleo da nossa vigorosa estratégia de e-combustíveis”, acrescentou Reiner Mangold, Chefe de Desenvolvimento de Produto Sustentável. "A instalação da usina de e-gás que nós construímos em Werlte pode se tornar um projeto modelo para toda a revolução energética, muito além dos limites de nossa empresa", completou. Peter Altmaier, Ministro Federal Alemão do Meio Ambiente, Conservação da Natureza e Segurança Nuclear, também comentou sobre o compromisso da Audi com o meio ambiente, em seu discurso de boas-vindas.

A fábrica do Audi e-gás trabalha em duas etapas durante o processo: eletrólise e a metanização (transformação de elementos em gás metano). Na primeira fase, a fábrica utiliza um excedente de eletricidade verde para dividir a água em oxigênio e hidrogênio utilizando três equipamentos de eletrólise. O hidrogênio poderá, futuramente, movimentar os veículos que funcionarem por célula de combustível. No momento, no entanto, na ausência de uma infraestrutura abrangente, uma segunda etapa do processo é realizada diretamente: metanização. Utiliza-se o hidrogênio resultante para reagir com o CO² e assim produzir metano sintético, ou: Audi e-gás. Ele é praticamente idêntico ao gás natural fóssil (conhecido no Brasil como GNV – Gás Natural Veicular) e será distribuído através da rede de gás natural alemã, já disponível, para as estações de abastecimento de GNV. A previsão de início de operação da usina do Audi e-gás é o outono alemão de 2013.

A fábrica do Audi e-gás produzirá cerca de 1.000 toneladas métricas de Audi e-gás por ano, aglutinando quimicamente 2.800 toneladas métricas de CO². Isso corresponde, aproximadamente, ao total de gás carbônico (CO²) que uma floresta com mais de 220 mil árvores de faia consegue absorver em um ano. Água e oxigênio são os únicos subprodutos.

A Audi construiu a usina de e-gás em parceria com a especialista em construção de fábricas ETOGAS GmbH (antiga SolarFuel) e seu parceiro de projeto MT-BioMethan GmbH em um lote de terreno de 4.100 m² de propriedade da EWE AG. A “Pedra Fundamental” foi colocada em setembro de 2012 e a cerimônia de início de obras foi realizada em dezembro. O uso eficiente dos fluxos de energia é a prioridade máxima na sequência de produção da fábrica. O calor gerado no processo de metanização é usado como energia de processamento da unidade adjacente de produção de biogás, aumentando significativamente a eficiência geral dos processos. Em contrapartida, a fábrica de biogás fornece o CO² altamente concentrado, necessário como um alicerce básico para a produção do e-gás. Este CO², portanto, serve como matéria-prima e não é despejado na atmosfera.

Prevê-se que o e-gás de Werlte poderá alimentar um total de 1.500 novos Audi A3 Sportback g-tron sendo utilizados em média por 15 mil km ao ano com emissão neutra de CO², a cada ano. Os modelos 1.4 TFSI cinco portas podem queimar gás natural, biometano e Audi e-gás. Com seu design polivalente, também permitem a utilização de gasolina. Isto dá uma autonomia de aproximadamente 1.300 km sem necessidade de reabastecimento.

Os clientes podem encomendar uma quota de e-gás quando comprarem o carro. Isto permite a sua inclusão em um processo de contabilização, que garante que a quantidade de gás colocada em seu veículo na estação de carregamento de gás natural seja equivalente àquela fornecida à rede pela usina e-gás Audi. O pagamento e a cobrança são feitos via cartão Audi e-gás de abastecimento.

O Audi A3 Sportback g-tron, que deve ser lançado até o fim do ano, consome, em média, menos de 3,5 kg de e-gás por 100 km (28,57 km/kg). As emissões de CO² são inferiores a 95 gramas por km conforme norma NEDC. Dirigir com o Audi e-gás é climaticamente neutro, considerando-se que o CO² gerado quando o veículo é conduzido foi previamente utilizado na produção do gás. Mesmo em uma análise abrangente, que inclui a construção e operação da usina e-gás e turbinas eólicas, as emissões de CO² são de apenas 20 gramas por quilometro. A vanguardista “Pegada Ambiental” foi recentemente certificada pelo TÜV Nord.

O projeto Audi e-gás transcende a indústria automobilística. Isso mostra como grandes quantidades de eletricidade verde podem ser armazenadas de forma eficiente, independente de sua localização, transformadas em gás metano e armazenadas na rede de distribuição de gás natural, o maior sistema de armazenamento de energia pública na Alemanha.

Com o projeto de e-gás, a Audi não é somente parte, mas também incentivadora da revolução energética. As principais geradoras alemãs de energia têm adotado a idéia de co-geração de energia a gás e estão seguindo os passos da Audi com projetos de iniciativa própria.

O projeto e-gás é parte da estratégia global de e-combustíveis da Audi. Em paralelo com a fábrica de e-gás em Werlte, a empresa também opera um centro de pesquisa em Hobbs, no Novo México (EUA), para a produção de e-etanol e e-diesel, em colaboração com Joule. Nesta instalação, microorganismos utilizam água (salobra, salgada ou residual), luz solar e dióxido de carbono para produzir combustíveis de alta pureza. O objetivo estratégico desses projetos é a utilização de CO² como matéria-prima para combustíveis e, assim, melhorar substancialmente a “Pegada Ambiental” global. A estratégia dos e-combustíveis é um importante pilar na iniciativa de sustentabilidade da Audi.Audi inaugura Usina de Transformação de Energia em Gás.

Triumph inaugura a sétima concessionária brasileira no Rio de Janeiro



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por g6 Comunicação Corporativa

A Triumph Motorcycles inaugura no próximo sábado, dia 29, no Rio de Janeiro (RJ), a sétima concessionária da marca no Brasil, a Triumph Rio, com área total de 600 m². As demais revendas Triumph ficam em São Paulo (SP), Ribeirão Preto (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR) e Belo Horizonte (MG). A nova concessionária segue a identidade visual mundial da marca e conta com show-room e oficina completa com equipamentos de última geração, importados diretamente da Inglaterra. Técnicos e equipes de vendas e pós-vendas foram treinados pela própria Triumph. A Triumph Rio está localizada na Avenida das Américas, 1.650 (telefone: 21-3388-4141).

Nossa meta inicial é comercializar em torno de 300 motocicletas da marca entre junho e dezembro deste ano”, afirma Sandro Petroceli, gerente geral da revenda. A Triumph Rio inicia sua operação comercializando a linha completa de motocicletas da marca disponível no mercado brasileiro, incluindo os novos modelos Daytona 675R (R$ 48.690,00) e Street Triple 675 (R$ 31.900,00), que começam a ser vendidos neste mês. Ambos já estão sendo montados na fábrica de Manaus (AM). Também estarão disponíveis mais três modelos nacionais: a tradicional Bonneville T100 (R$ 29.900,00), a super naked Speed Triple (R$ 42.900,00) e a Tiger 800XC (R$ 39.900,00). Além disso, três motos importadas começam a ser vendidas neste momento: Thunderbird Storm (R$ 49.900,00), Tiger Explorer (R$ 62.900,00) e Rocket III Roadster (R$ 69.900,00). Todos os modelos, com exceção apenas da Bonneville T100, já vêm de série equipados com o sistema de freios ABS.

Lançada oficialmente no mercado brasileiro em novembro do ano passado, a Triumph vem se surpreendendo com os resultados obtidos pela marca até o momento e está revendo para cima seus planos no País. Diante da grande demanda dos consumidores pelas suas motocicletas, a empresa decidiu acelerar seu plano de expansão da rede de concessionárias, ampliar sua produção em Manaus (AM) e já projeta atingir vendas totais no ano em torno de 2.500 unidades – um volume 25% superior à previsão inicial. “Foi uma resposta muito rápida e positiva do mercado, acima do que esperávamos. Diante disso, resolvemos acelerar nossos planos no Brasil”, afirma Marcelo Silva, gerente Geral da Triumph Motorcycles Brazil.

A fábrica de Manaus, por exemplo, vem ampliando continuamente seu ritmo de trabalho desde o início da suas operações, em outubro do ano passado. Atualmente, a unidade conta com cerca de 50 profissionais e deverá chegar a 90 trabalhadores até janeiro de 2014. Este aumento no quadro de funcionários também está relacionado à produção de novos modelos na planta. “Começamos a operar no final do ano passado com seis modelos, mas até 2014 a linha Triumph no Brasil será composta por 15 modelos de motocicletas, ampliando ainda mais as opções para o nosso público”, revela o gerente Geral da Triumph.

O novo plano de expansão da rede prevê a abertura de mais cinco concessionárias completas até dezembro deste ano. As próximas revendas a serem abertas serão localizadas em Campinas, Florianópolis, um segundo representante em São Paulo, Salvador e Recife. O plano inicial da empresa previa chegar a 12 concessionárias somente no final do ano que vem. “Para 2014, com esta rede ampliada e os novos modelos de motocicletas que serão lançados ao longo deste ano e apresentados no próximo Salão das Duas Rodas, já projetamos vendas em torno de 3.500 unidades”, prevê o gerente Geral da subsidiária brasileira. “Até o final do próximo ano, a Triumph Motorcycles Brazil já poderá se posicionar entre os cinco principais mercados para a marca no mundo, atrás apenas de Estados Unidos, Inglaterra, França e Alemanha”, acrescenta o executivo.

A Triumph está investindo no biênio 2012/2013 cerca de R$ 19 milhões no Brasil. A Triumph Motorcycles Brazil é a 10ª subsidiária da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A fábrica da Triumph em Manaus está localizada em um condomínio industrial, ocupando uma área de 2.000 m². Sua capacidade atual de produção é de 5.000 motocicletas por ano.

Agrale comemora produção de 100 mil veículos da marca


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Secco Consultoria
foto: Júlio Soares


A Agrale, fabricante brasileira de caminhões, chassis para ônibus, utilitários, tratores e motores diesel, comemora neste mês a produção de 100 mil veículos da marca. A unidade 100 mil é um chassi MA 10.0 para micro-ônibus equipado com sistema de freio ABS adquirido pelo cliente Magnus Isse, operador de transporte coletivo e proprietário das empresas Viação Nova Geração, Viação Pelicano, Viação Primavera e Expresso Assur, de Porto Alegre.

Segundo Hugo Zattera, diretor-presidente da Agrale, o volume de veículos produzidos pela marca é muito expressivo e demonstra o sucesso de mercado alcançado pela empresa, no Brasil e no exterior. "Para uma empresa como a nossa, nacional, que começou a fabricar veículos modestamente, a marca de 100 mil veículos é muito emblemática. Do TX 1100 (primeiro caminhão a ser fabricado pela Agrale, em 1982) ao chassi de número 100 mil, entregue hoje, percebe-se que o sonho do líder visionário da Agrale, Francisco Stedile, se tornou realidade. O senhor Magnus Isse e suas empresas representam, de certa forma, todos os clientes da Agrale pela relação de parceria que mantemos.”

Foi uma grata surpresa ter sido o comprador do chassi 100 mil, e isso é motivo de orgulho para mim, que aposto na Agrale há 30 anos e adquiri o primeiro chassi de micro-ônibus da empresa. Atualmente, temos uma frota de 46 veículos Agrale, e neles percebemos duas grandes características: baixo custo de manutenção e durabilidade. Fico feliz pelo crescimento da Agrale e por fazer parte da história de 50 anos da empresa”, afirma Magnus Isse.

Trajetória marcada pela robustez e versatilidade

A Agrale iniciou suas atividades em 1962, com a fabricação de microtratores de duas rodas e nestes 50 anos, transformou-se em exemplo de sucesso nos mais competitivos segmentos do mercado automotivo, com a imagem consolidada de pioneirismo, inovação, forte atuação em nichos de mercado e sólidas parcerias.

Em 1982, lançou os primeiros caminhões da marca e, em 1996, os chassis de ônibus, seguidos pelos veículos utilitários Agrale Marruá, em 2004. Hoje, a Agrale produz modernas linhas de caminhões, chassis para ônibus, utilitários, tratores e motores diesel e conta com quatro parques industriais, três deles localizados na cidade de Caxias do Sul (RS) e um em Mercedes, Província de Buenos Aires, na Argentina.

Vai viajar em julho? cuide do carro primeiro


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por CESVI BRASIL

Estamos chegando perto de julho. Mês de férias escolares. Mês de muitas viagens pelo Brasil todo.

Você vai de carro? Então, assegure-se de que a viagem será tranquila e sem surpresas desagradáveis. Antes mesmo de rodar o primeiro quilômetro de estrada, faça uma verificação completa do estado de manutenção do seu veículo.

Confira as dicas do CESVI para esta checagem:

• Verifique o período de revisão e itens como chave de roda, macaco, triângulo de sinalização, validade do extintor, calibragem dos pneus – e do estepe também.

• Será que está tudo funcionando direito? Inspecione faróis, lanternas, luzes de freio (inclusive brake-light), luzes de sinalização e de placa.

• Uma boa pedida é levar seu carro para uma inspeção mais técnica, na qual seja possível verificar o estado do sistema de freios, de suspensão e de direção, o óleo e o arrefecimento do motor.

A ATITUDE CERTA
Planejamento e um comportamento seguro na estrada são imprescindíveis para que suas férias comecem e terminem muito bem.

• Planeje sua viagem observando o horário de saída, o tempo de viagem, onde ficam as praças de pedágio, os postos de abastecimento e os pontos de descanso.

• Não dirija com sono e (NUNCA) sob efeito de bebidas alcoólicas.

• Faça com que todos no carro usem o cinto de segurança – inclusive no banco traseiro.

• Não exceda os limites de velocidade.

• Não ultrapasse em trechos da estrada em que esta manobra é proibida. E, nos trechos em que é permitida, ultrapasse apenas um veículo de cada vez. Isso faz com que você permaneça menos tempo na pista contrária.

• Muito cuidado com caminhões e ônibus. Ultrapasse-os somente pela esquerda. Os pontos cegos que esses veículos têm à direita são muito grandes. O motorista pode não enxergar você. E aí...

• Em condições de chuva ou neblina, reduza a velocidade. E nunca use o pisca-alerta com o carro em movimento. O motorista do carro que estiver vindo atrás pode ter a impressão de que você parou na estrada, e fazer alguma manobra brusca e perigosa.

• O acostamento só deve ser usado para paradas de emergência. Se você quiser descansar, procure um posto ou outro lugar seguro.

Anotou tudo? Então cuide da sua segurança, arrume as malas e se divirta!

O Boletim Técnico é uma publicação do CESVI BRASIL. Sua divulgação por qualquer meio é permitida desde que citada a fonte.


Cavenaghi apresenta o Ford Transit Bus Acessível



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Atitude Press Assessoria em Comunicação

No mais recente lançamento da CAVENAGHI – líder em adaptações veiculares – em pareceria com FORD BRASIL, foi possível obter praticidade, segurança e eficiência em uma única solução.

A novidade apresenta Fixadores para Cadeira de Rodas em Ancoragem de Multi Posicionamento, com Cinto de Segurança de três pontos especifico para o cadeirante. O sistema atende todos os tipos de cadeira de rodas, com engate rápido, sendo possível sua remoção quando em desuso. Todos os equipamentos utilizados são homologados internacionalmente (ISO 10542).

A transferência do cadeirante  ao veículo acontece pela Plataforma Elevatória Automática - BRAUN , elevador eletro-hidráulico,  posicionado na traseira do veículo, proporcionando  segurança e facilidade no manuseio,  mantendo-se a porta lateral do veículo com livre acesso.

Honda lança pacote completo de acessórios para a VFR 1200X Crosstourer


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Linkpress Assessoria e Comunicação

Sonho de consumo para viagens sobre duas rodas, a VFR 1200X Crosstourer acaba de ganhar um pacote completo de acessórios para facilitar a rotina dos motociclistas na hora de pegar estrada.

Disponível por meio das concessionárias Honda Dream, o novo conjunto é formado por seis itens fundamentais em viagens mais longas: cavalete central para estacionamento, parabrisa dianteiro estendido, protetor de carenagem, kit de malas laterais, bolsa interna e top box.

As novas malas laterais e a top box permitem um transporte mais prático das bagagens. Com o cavalete central, é possível estacionar a motocicleta com a roda traseira, o que facilita o manuseio do bagageiro e a realização de manutenção de emergência.

Completando os atributos de funcionalidade e segurança do novo pacote, o parabrisa estendido protege o motociclista contra os incômodos do vento e poeira e o protetor de carenagem contra os pequenos acidentes que podem danificar o modelo. O conjunto completo tem preço sugerido de R$ 12.032,99 e os itens podem ser vendidos separadamente.

Para mais informações sobre o conjunto de acessórios da VFR 1200X, acesse www.honda.com.br/acessorios.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho completa 10 anos e distribui mais de 150 prêmios



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho

O Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho está completando 10 Anos de suas atividades na formação de pilotos de competição de Fórmula, carros do tipo Turismo e Karts e no aprimoramento da habilidade para motoristas profissionais e amadores.

Dirigido pela única mulher no mundo a ter conquistado um título na Fórmula 3, Suzane Carvalho, ao longo desses 10 anos o Centro formou milhares de bons motoristas e centenas de novos pilotos para o esporte motor.  Ela comemora: “O apoio da Honda neste último ano nos permitiu reduzir os valores dos cursos de Direção Defensiva/Evasiva e aumentar o número de motoristas atendidos. Temos muito o que comemorar. Primeiro por formar tantos bons motoristas conscientes para as ruas, tanto de carros quanto de motocicletas; segundo por formar pilotos competitivos e campeões para as pistas; e terceiro porque, sobreviver 10 anos em um país onde não há apoio ao esporte motor, só mesmo sendo muito persistente.  E o apoio da Honda foi fundamental para nossa sobrevivência”.

Douglas Carvalho, Diretor Executivo que há três anos trabalha com Suzane, ressalta a importância dos cursos de Direção Defensiva/Evasiva: “São profissionais de segurança, frotas de empresas e até o motorista comum que acabou de tirar a carteira. Esse trabalho é muito importante para ajudar a diminuir o índice de acidentes no país”. Como parte da comemoração, a escola está dando descontos realmente grandes, que chegam a 70% no valor do Curso de Direção Defensiva/Evasiva.

Alguns parceiros da caminhada de 10 anos entraram na festa e com isso o CTPSC está sorteando, através de sua Fanpage no Facebook, mais de 150 prêmios que vão desde brindes da Honda, produtos da Mahogany Cosméticos, Volta Rápida em um Drift Car de 465 cavalos e até um par de luvas do piloto de Fórmula Indy, campeão da última "500 Milhas de Indianápolis", Tony Kanaan.

Veja a lista completa dos brindes:

1 - 20 (vinte) contemplados com Kits de brindes da Honda contendo um boné, uma camiseta e uma toalha de rosto alusiva ao projeto Beach Clean.

2 - 30 (trinta) contemplados com Frascos de 800 ml com Sabonete Líquido da Mahogany Cosméticos.

3 - 5 (cinco) contemplados com uma Volta Rápida em um Drift Car com o piloto Juba, em um Nissan Silvia S14 com motor Toyota 1JZ de 462 cavalos, em uma pista do interior de São Paulo (data a ser divulgada em agosto).

4 – 10 (dez) contemplados com uma bateria com Kart de 13 hp do Kartódromo Internacional da Granja Viana, em São Paulo.

5 – 05 (cinco) contemplados com um par de vouchers para pai e filho, para uma bateria no Kart Indoor do Kartódromo Internacional da Granja Viana.

6 - 10 (dez) contemplados com um vale para participar de uma bateria de Kart no Point Kart do Rio de Janeiro, competindo com a Suzane Carvalho.

7 – 12 (doze) contemplados com uma bateria no mais novo superautorama do Point Kart, do Extra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

8 – 10 (dez) comtemplados com Kits de repositores de eletrólitos e vitaminas essenciais para atletas, da SUUM.

9 – 10 (dez) contemplados com uma camiseta do Centro de Treinamento de Pilotos Suzane Carvalho.

10 – 10 (dez) contemplados com o livro “Curso de Pilotagem de Kart – Pilotando e Acertando um Kart” de autoria de Suzane Carvalho.

11 – 1 (hum) contemplado com um par de luvas do piloto vencedor das 500 Milhas de Indianápolis 2013, e Campeão da Fórmula Indy em 2004, Tony Kanaan.


Mais informações no site http://CentroDePilotos.com.br

Audi vence novamente em Le Mans. Lucas di Grassi é 3º



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Inova Comunicação

Pelo segundo ano consecutivo, a Audi vence as 24 Horas de Le Mans com um carro híbrido de tração integral quattro e, assim, dá sequência à sua história de sucesso na mais importante corrida de endurance do mundo. O trio formado por Loïc Duval (FRA), Tom Kristensen (DIN) e Allan McNish - a bordo do R18 e-tron quattro #1 - conquistou a vitória, enquanto o brasileiro Lucas di Grassi, a bordo do R18 e-tron quattro #3, foi ao pódio com um terceiro lugar em sua primeira participação na corrida (competindo junto de Marc Gené e Oliver Jarvis).

Como já era esperado, o 12º triunfo da marca dos quatro anéis em Le Mans foi um dos mais difíceis de sua história. Com as mudanças feitas recentemente no regulamento técnico da prova, os três Audi R18 e-tron quattro inscritos em Le Mans faziam, em média, duas voltas a menos que os carros da Toyota com um tanque de combustível. Assim, os pilotos da Audi tiveram de compensar os pit stops adicionais com tempos de volta mais rápidos na pista. Uma missão que ainda teve de driblar as condições meteorológicas por vezes extremamente difíceis no Oeste da França durante este fim de semana.

Pancadas de chuva atingiram a região diversas vezes ao longo da corrida, que foi dramática. Isso resultou uma série de incidentes e nada menos que onze intervenções do safety-car. Um total de mais de cinco horas de corrida sob bandeira amarela, enquanto os fiscais de pista faziam a limpeza e os reparos nas áreas dos acidentes.

Os três Audi R18 e-tron quattro, equipados com um sistema de tração elétrica no eixo dianteiro, foram os carros mais rápidos da pista durante toda a prova. E também os mais eficientes, já que venceram a Michelin Green X Challenge, uma competição para definir o protótipo mais limpo, rápido e eficiente.

"Vencemos pela 12ª vez em Le Mans graças ao espírito de inovação e consistência dos nossos engenheiros, ao comprometimento incondicional do time todo, e ao nível e nervos de aço dos nossos pilotos. Em nome da Audi, eu estendo meus sinceros parabéns por este sucesso a todos eles", disse Rupert Stadler, presidente do Conselho de Administração da Audi AG - que, como de costume, esteve em Le Mans acompanhando a prova. "Esta vitória marca outro enrome sucesso da Audi, em que nosso sistema híbrido prevaleceu mais uma vez e novas tecnologias, das quais nossos clientes também se beneficiarão no futuro, foram testadas." Isso inclui radiadores inovadores e faróis de LED com feixe matriz, que garantem ótima iluminação à noite. Uma vantagem crucial em Le Mans.

"Nós sabíamos que, por conta das novas exigências do regulamento, seria muito difícil este ano", comentou o chefe da Audi Motorsport, Dr. Wolfgang Ullrich. "Como era esperado, a Toyota foi uma rival muito forte, mas nosso Audi R18 e-tron quattro estava em sua forma plena. Meus agradecimento a toda a equipe que trabalhou durante meses para alcançar este sucesso."

A 12ª vitória da Audi em Le Mans foi conquistada pelo R18 e-tron quattro #2 pilotado por Loïc Duval (França), Tom Kristensen (Dinamarca) e Allan McNish (Escócia). Para Duval, que conquistou a pole position para o trio na quarta-feira, foi a primeira vitória na prova francesa. A terceira para Allan McNish. Tom Kristensen, recordista isolado de vitórias em Le Mans desde 2005, chegou à sua nona vitória.

O carro vitorioso correu as 24 horas sem apresentar o menor problema técnico. Duval/Kristensen/McNish assumiram a liderança às 21h43 do sábado (no horário local, 16h43 em Brasília) e não perderam mais a posição até cruzar a linha de chegada às 15h do domingo (10h em Brasília). O trio conseguiu abrir uma crucial volta de vantagem sobre o carro da Toyota em segundo e isso garantiu as condições para administrar o resultado na parte final da corrida, mesmo nas condições caóticas de chuva torrencial.

Os outros dois trios da Audi sofreram - quase que simultaneamente - com infortúnios que os obrigaram a paradas de box não programadas pouco antes de completarem sete horas de corrida. Oliver Jarvis, no Audi R18 e-tron quattro #3, foi tocado por um veículo mais lento e, por isso, teve um pneu furado - sendo obrigado a percorrer quase uma volta inteira nos 13.629 metros do traçado de Le Mans nessas condições e perdendo duas voltas em relação aos líderes. Em um final cinematográfico, o brasileiro Lucas di Grassi, que fez sua estreia em Le Mans, descontou 45 segundos de diferença para o Toyota que ocupava a terceira posição e, assim, garantiu um lugar no pódio para o carro #3, junto de Jarvis e Marc Gené.

"Esta foi minha primeira vez em Le Mans e a primeira coisa que me chamou atenção foi o quanto essa pista é incrivelmente rápida e difícil de aprender e entender. E depois, quando a corrida começou, fiquei novamente impressionado com a atmosfera, as pessoas, o quanto cada time se esforça por essa prova, seja ele profissional ou amador", comentou Lucas di Grassi. "A Audi também faz um trabalho fantástico e para mim, como um novato aqui, não foi fácil. Fiz o melhor que pude, e terminar a corrida no pódio foi realmente especial. Aprendi muito e espero poder voltar a Le Mans e usar essa experiência para conquistar um resultado ainda melhor", completou o brasileiro.

Já o trio formado por Marcel Fässler (Suiça), André Lotterer (Alemanha) e Benoît Tréluyer (França) - no Audi R18 e-tron quattro #1 - perdeu a liderança por conta um problema no alternador. Mesmo sofrendo todo o atraso da troca da peça, os vencedores de Le Mans em 2011 e 2012 fizeram uma excelente prova de recuperação para terminar em quinto lugar.

Mas toda a festa da edição que marcou os 90 anos das 24 Horas de Le Mans acabou ofuscada por um acidente fatal na categoria GT logo depois da largada, ainda no sábado. O piloto dinamarquês Allan Simonsen perdeu o controle de seu Aston Martin da categoria LMGTE Am na curva Tertre Rouge e não resistiu aos ferimentos. "Obviamente este incidente horrível amortece a alegria de outra grande vitória em Le Mans para a Audi", comentou Dr. Wolfgang Ullrich. "Nós ficamos completamente chocados com a notícia da morte do Allan (Simonsen). Durante sua carreira, ele também venceu a bordo de nossos carros, especialmente no Audi R8 LMS. Nossos sentimentos vão, principalmente, para sua família e amigos, e para a equipe Aston Martin também. Isso mostra que não devemos nunca parar de fazer o que for possível pela segurança no automobilismo. Este é o primeiro acidente fatal que testemunhamos em Le Mans nos 15 anos que corremos aqui. E eu espero que ele tenha sido também o último."

Confira os 10 primeiros colocados nas 24 Horas de Le Mans 2013:

1- Tom Kristensen/Allan McNish/Loïc Duval - Audi R18 e-tron quattro - 348 voltas (média de 241,4 km/h)
2- Anthony Davidson/Stéphane Sarrazin/Sébastien Buemi - Toyota TS030 Hybrid - 347 voltas
3- Marc Gené/Oliver Jarvis/Lucas di Grassi - Audi R18 e-tron quattro - 347 voltas
4- Alexander Wurz/Nicolas Lapierre/Kazuki Nakajima - Toyota TS030 Hybrid - 341 voltas
5- André Lotterer/Benoît Tréluyer/Marcel Fässler - Audi R18 e-tron quattro - 338 voltas
6- Nick Leventis/Jonny Kane/Danny Watts - HPD ARX-03c-Honda - 332 voltas
7- Bertrand Baguette/Martin Plowman/Ricardo González - Morgan LMP2-Nissan - 329 voltas
8- Olivier Pla/Alex Brundle/David Hansson - Morgan LMP2-Nissan - 328 voltas
9- Roman Rusinov/John Martin/Mike Conway - Oreca 03-Nissan - 327 voltas
10- Michael Krumm/Jann Mardenborough/Lucas Ordóñez - Zytek Z11SN-Nissan - 327 voltas

Shineray Automóveis vence licitação e fecha a venda de 100 vans para o Ministério da Saúde



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por g6 Comunicação Corporativa

A Shineray Automóveis, que iniciou a comercialização de veículos comerciais no País em 2012, acaba de vencer uma concorrência pública realizada pelo Governo Federal para a comercialização de 100 unidades do seu modelo Van. Os veículos, que começam a ser entregues em agosto deste ano, serão utilizados pelo Ministério da Saúde no programa de combate à dengue em alguns estados brasileiros. Para concretizar este negócio, a Shineray superou marcas tradicionais do mercado nacional.

Esta foi uma das primeiras concorrências públicas vencida por uma marca chinesa de automóveis e o resultado mostra que a qualidade e a excelente relação custo-benefício dos veículos Shineray vêm sendo cada vez mais reconhecidas no País”, afirma Marcelo Leone, diretor de Assuntos Governamentais da Shineray Automóveis. “A partir desta venda, vamos começar a trabalhar mais fortemente neste segmento”, acrescenta.

A Shineray tem como meta conquistar a liderança deste segmento até o próximo ano. A rede Shineray conta, atualmente, com 38 revendedores. A meta é chegar a 50 distribuidores até dezembro. A linha de veículos comerciais da Shineray inclui cinco modelos em diferentes versões: Picape Cabine Simples (Básica e Luxo), Picape Cabine Dupla (Básica e Luxo), Picape Cabine Simples com Baú, Van (Básica e Luxo) e Furgão. Os preços sugeridos para o público variam entre R$ 27.990,00 (Picape Cabines Simples Básica) e R$ 36.990,00 (Van Luxo).

Mercado automotivo impõe alerta de inadimplência


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Arthur Guitarrari*

Que o brasileiro adora carros ninguém duvida. A troca de veículo figura no orçamento familiar com prioridade para muitas famílias, e não é à toa que a indústria automotiva é responsável por movimentar cerca de 20% do Produto Interno Bruto (PIB) do país. É um dos setores mais importantes no desenvolvimento da política industrial do governo, por conta do seu potencial de indução ao crescimento e geração de empregos, diretos e indiretos, em diversos outros setores econômicos.

O mercado de automóveis se mostra ainda mais promissor a partir da divulgação da prorrogação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) até dezembro de 2013.  Com a boa notícia, o segmento deve aquecer, após um trimestre morno. Dados divulgados em abril pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) apontam que as vendas de veículos caíram 5,5% em março deste ano, na comparação com igual mês de 2012. A partir da prorrogação do IPI, as projeções de crescimento passam de 2,6% parta 3%, segundo a mesma entidade.

Já de acordo com a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras (ANEF), a concessão de crédito para financiamento de veículos deve crescer em 8% neste ano. No entanto, fatores como a alta da inflação e elevação da taxa de juros devem causar impacto na inadimplência. Para quem concede crédito, a atenção deve ser dobrada. Assim, é hora de organizar a agenda de cobrança para manter a base de dados atualizada, não só para realizar uma boa análise de risco na concessão do crédito, mas também para localizar pessoas inadimplentes e poder efetuar uma comunicação mais eficiente com os eventuais devedores.

O mercado dispõe de ferramentas que contemplam ao mesmo tempo todas esses serviços, com a agilidade necessária para efetivar propostas, uma vez que podem ser disponibilizados apenas por meio de uma única plataforma online.

A partir do cruzamento dos dados cadastrais de pessoas e empresas, é possível identificar o comportamento comercial do consumidor e tornar a transação comercial mais segura. Além disso, as soluções são customizadas, pois podem ser adquiridas de forma flexível, ou seja, você só compra o que realmente for necessário ao seu negócio. Endereços, telefones e dados em geral mudam permanentemente. As empresas especializadas nos serviços de consulta também realizam, de forma constante, a atualização, higienização e, assim, validação de tais informações.  Trata-se de um diferencial que traz vantagens para todos os ciclos dos negócios.

*Arthur Guitarrari é Gerente de Marketing e Novos Negócios da ZipCode, empresa especializada em prover informações para diversos segmentos do mercado

Audi trabalha em projeto de trânsito inteligente na Alemanha



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Departamento de Imprensa Audi Brasil

Na estrada, os automóveis se tornam mais eficientes, convenientes e seguros quando se comunicam com os motoristas, com a infraestrutura e com outros carros. Pensando neste conceito, a Audi tem trabalhado em uma rede inteligente de contatos como ferramenta do “Audi Connect” em todos seus modelos. Realizado em larga escala nos últimos quatro anos na região de Frankfurt, na Alemanha, o estudo de mobilidade segura e inteligente, chamado de simTD, rendeu à marca dos quatro anéis conhecimentos importantes sobre o tema, incluindo o projeto do “semáforo informativo online”. Os resultados deste estudo de campo já estão sendo apresentados ao público.

Um total de 17 empresas, incluindo seis montadoras, participaram do simTD (Safe and Intelligent Mobility). Este é um dos maiores projetos do gênero no mundo. A Audi assumiu a responsabilidade pela análise de requisitos, que serviu como base para a estrutura básica do programa. Além disso, os engenheiros da marca dirigiram várias iniciativas individuais, como o assistente das fases do semáforo, a pré-visualização do mapa de estradas e a navegação estendida. A fabricante também teve participação no sistema de interseção. A frota de testes da empresa alemã é composta por 20 veículos.

Na fase inicial do projeto de inteligência, 20 sistemas de semáforos nas proximidades de Frankfurt foram adaptados para que a frota de teste pudesse se comunicar. O objetivo dos desenvolvedores era atingir um fluxo mais eficiente de tráfego em áreas metropolitanas. A Audi contribuiu com sua extensa base de dados adquirido no projeto travolution. O plano foi iniciado em 2006.

As informações dos semáforos são transmitidas para os carros e, posteriormente, são exibidas ao condutor como imagens gráficas no sistema do veículo. Eles mostram ao motorista a velocidade que deverá atingir para alcançar o próximo farol verde, por exemplo. Sinais sonoros também alertam o motorista sobre os sinais vermelhos com antecedência. O restante das informações, como tempo de mudança de uma fase para outra, são mostradas no visor auxiliar.

A Audi já concluiu o próximo passo de desenvolvimento, que vai além do escopo do projeto do simTD. Agora, os carros são conectados ao computador de controle do tráfego central via UMTS (Universal Mobile Telecommunications System). Ao todo, 35 unidades de Audi A1 e-tron participam do "Mostruário de Mobilidade Elétrica", iniciativa do governo federal alemão, e já utilizam uma versão avançada desta nova tecnologia.

Os “semáforos informativos online” permitem a redução de até 15% de emissão de CO² no meio ambiente. Em resumo, se essa tecnologia fosse implementada em toda a Alemanha, isso seria equivalente a cerca de 900 milhões de litros (237.750 mil galões) de combustível por ano. O projeto alcançou o estágio de maturidade no mercado. Hoje, a Audi já percebe um grande interesse entre as cidades e comunidades.

No estudo de mobilidade segura e inteligente em larga escala, iniciado no Outono alemão de 2008, seis montadoras alemãs, dois grandes fornecedores, uma empresa de comunicação e vários institutos científicos e públicos trabalham em conjunto para adquirir um conhecimento mais abrangente sobre a comunicação Carro-para-X. O projeto foi patrocinado pelos ministérios federais da Economia e Tecnologia; da Educação, Pesquisa e Transportes; e de Construção e Desenvolvimento Urbano.

Ao longo dos seis meses da fase prática, após o final do projeto teórico, um total de 500 pilotos de teste em 120 carros e três motocicletas percorreram 1,65 milhões de quilômetros (1.030 mil milhas). Os veículos foram conectados em rede uns com os outros por meio de equipamentos de transmissão de rádio, especialmente desenvolvidos, e através de um centro de controle de tráfego para informar aos condutores as condições de trânsito e os obstáculos.

Quando teremos sistema ABS como item de série?



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por VGCOM – Vanessa Gianellini Comunicação

Recentemente em um curso de “Segurança Viária” oferecido pela Fundación Mapfre pudemos constatar como o tema está na pauta dos dirigentes políticos na Europa há mais de três décadas.

Dentre várias questões que ameniza ou evita um grave de acidente de trânsito, estudamos o “fator veículo”.

Na Europa há um rigoroso controle de qualidade para verificar desde a construção do veículo, sua mecânica e eletrônica, especialmente no que é oferecido ao consumidor em termos de segurança ativa (ABS, ESC, ESP) e segurança passiva (air bag, cinto de segurança e call center). Sim, há veículo que quando sofre acidente um call center é acionado e se ninguém responder já é emitido um sinal para os socorristas. Infelizmente esse sistema ainda não sai de fábrica em todos os veículos, todavia, o Parlamento Europeu luta para tornar item obrigatório.

Assim como tornou item obrigatório a partir de 01 de janeiro de 2016 o Anti-lock Braking System, ABS, para todas as motocicletas a partir de 125cc. E o que isso tudo tem haver com nós brasileiros ou com o Brasil? Tudo!

Muito se fala em segurança viária no Brasil e nada de concreto foi realizado neste que já é o 3º ano da Década Mundial de Segurança Viária determinado pela ONU que exige a redução das mortes na ordem de 50% pelos países membros.

Há um conjunto de lições a serem realizadas para diminuir a mortalidade de mais de 40 mil pessoas/ano, onde o Poder Público, hoje muito ocupado com Copa do Mundo e gastos faraônicos com “Arenas”, tem a cumprir como via pública de qualidade, educação, fiscalização, punição, dentre muitas outras e a iniciativa privada, aqui me dirijo aos fabricantes a oferecer veículos de duas rodas com maior segurança ativa.

É um contrassenso falar em segurança viária com foco em motocicleta, quando temos uma quantidade enorme de motocicletas sendo vendidas ainda com freio dianteiro a tambor.

Mais do que substituir o arcaico freio a tambor por freio a disco, necessário seguir a lição dos irmãos europeus e todas as motocicletas a partir de 125cc terem freio ABS dianteiro e traseiro com item de série.

Infelizmente o Brasil é carente de dados estatísticos, todavia, não tenho dúvida que uma das grandes causas de acidentes envolvendo motocicleta, além da péssima via pública é erro na frenagem que seria suprido com o sistema ABS.

A discussão tem que ser aberta no setor de duas rodas, já que no de quatro rodas a partir de janeiro de 2014 todos os veículos devem sair com freio ABS (segurança ativa) e air-bag (segurança passiva) como item de série.

André Garcia é motociclista, advogado especialista em Gestão e Direito de Trânsito, instrutor de pilotagem, colunista de segurança na imprensa especializada de duas rodas, idealizador do Projeto Motociclismo com Segurança que busca aculturar a sociedade em segurança viária por meio de palestras e aulas de pilotagem, laureado com o Prêmio ABRACICLO de Jornalismo em 2008 com matéria de segurança viária.

Toyota lança robô ao espaço



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Toyota do Brasil Ltda – Relações Públicas

 A Toyota Motor Corporation (TMC), em conjunto com Dentsu, Centro de Pesquisa de Ciência Avançada e Tecnologia, Universidade de Tóquio e Robo Garage, anunciaram ontem (26) que o robô-astronauta, desenvolvido em conjunto pelas empresas e com o nome de Kirobo, estará a bordo da nave espacial de carga Kounotori 4, que partirá do Centro Espacial Tanegashima para a Estação Espacial Internacional (ISS) no dia 4 de agosto.

Após desembarcar na Estação Espacial Internacional (ISS), Kirobo vai esperar a chegada do comandante Koichi Wakata em meados de novembro ou dezembro. A partir desse encontro, pela primeira vez será feita uma análise sobre a interação entre homem e máquina no espaço.

Kirobo é um dos dois robôs humanoides, que utilizam comunicação verbal, desenvolvidos dentro do “Kibo Robot Project”, projeto de pesquisa realizado pela Toyota ao lado das empresas RCAST, Robo Garage, além da Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA).

Durante o desenvolvimento de Kirobo, a Toyota foi responsável pela criação da função de reconhecimento de voz, enquanto RCAST e Robo Garage trabalharam no desenvolvimento do hardware e geração de movimento. Por fim, a Dentsu produziu o conteúdo de conversas utilizadas por ele, bem como a gestão do projeto final.

Confira o site (em inglês) do “Kibo Robot Project” no link http://kibo-robo.jp/en/.

Fábrica da Volkswagen em São Carlos atinge a marca de 8 milhões de motores produzidos desde a sua inauguração



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Volkswagen do Brasil - Assuntos Corporativos e Relações com a Imprensa

 No momento em que inicia as operações de seu novo prédio produtivo, que irá fabricar o novo motor de três cilindros 1.0l da família EA211, a unidade da Volkswagen do Brasil em São Carlos atinge mais uma conquista histórica com a marca de 8 milhões de motores produzidos, desde 1996, ano de sua inauguração.

O marco de 8 milhões de motores produzidos em São Carlos reforça a importância da fábrica, que é a 3ª maior unidade produtora de motores do Grupo Volkswagen. É mais uma celebração importante de uma fábrica que registrou no final de 2012 outro recorde histórico: a produção de 900 mil motores em um ano”, diz Thomas Schmall, presidente da Volkswagen do Brasil.

Com 830 empregados, a fábrica produz em média 80 mil motores por mês em 67 modelos diferentes, de 1.0, 1.4 e 1.6 litro, os quais equipam os modelos Novo Gol, Fox, Novo Voyage, CrossFox, SpaceFox, Saveiro, Polo, Polo Sedan, Kombi, Gol G4 e Golf.

Para o mercado brasileiro, 100% dos motores recebem a tecnologia bicombustível Total Flex. Para o mercado externo são produzidos motores a gasolina que são montados nos veículos para exportação e também são exportados motores parciais para a Argentina.

Nos primeiros cinco meses de 2013, já produziu 352.893 motores para o mercado interno e externo. Em 2012, a fábrica atingiu o volume recorde de 909.737 motores produzidos, um aumento de 3,4% em relação a 2011, quando foram produzidos  879.708 unidades. Do total produzido no ano passado, 212.686 foram para o mercado externo, incluindo propulsores montados nos veículos para exportação e motores parciais enviados para a produção da SpaceFox, na Argentina.

"A comemoração dos 8 milhões de motores ocorre em um grande momento para a fábrica de São Carlos, com o lançamento de uma nova família de motores e a ampliação de sua capacidade produtiva em cerca de 20%. Essas conquistas reforçam como a região de São Carlos é importante estrategicamente para o Grupo Volkswagen”, disse Andreas Hemmann, gerente executivo da unidade de São Carlos.

Desde o início de suas atividades, a unidade coleciona grandes conquistas como a produção do primeiro motor turbo 1.0 do Brasil, em 1999, e a fabricação do primeiro motor 1.0 com a tecnologia Total Flex do País, em 2003. No que diz respeito a infraestrutura, a unidade teve sua área construída ampliada em 283%, desde 1996, para os 84.000 m² atuais.

Sustentabilidade

A unidade de São Carlos foi a primeira unidade do Grupo Volkswagen, fora da Europa, a conquistar o certificado ambiental ISO 14001, em 1997, e se tornou referência em gestão ambiental para as demais unidades na América do Sul.

Com a maior área verde entre as fábricas da Volkswagen do Brasil, num total de 730 mil m², a fábrica de São Carlos possui 18,6 hectares de área de reserva legal, com preservação do cerrado, com o reflorestamento da mata nativa como uma das práticas sustentáveis permanentes visando a preservação ambiental.

Em 2012, a unidade alcançou mais um avanço na área com a instalação de uma nova estação de tratamento de efluente industrial, ainda mais eficiente e sustentável,que utiliza uma tecnologia que consiste no tratamento por flotação, no qual os resíduos permanecem na parte superior do tanque, ao invés de serem enviados ao fundo, para decantação, como é usualmente feito, necessitando de menor quantidade de produtos específicos.

A nova tecnologia conta também com um sistema de microbolhas de ar comprimido, o que acarreta na diminuição do tempo de separação dos poluentes e sem precisar da mesma quantidade de adição de produtos para que o material se solidifique e possa ser retirado com maior facilidade do tanque.

Ela possui capacidade de recebimento de efluente industrial bruto de 30 m³ e capacidade de tratamento de 5m³/hora. É 50% menor do que a atual instalação e tem o dobro da capacidade de tratamento, devido a uma nova tecnologia empregada.

A mudança no sistema é pioneira na Volkswagen do Brasil e dobrou a capacidade de tratamento de efluentes industriais, além de proporcionar a redução de 40% nos custos operacionais do processo.

Peugeot Design Lab apresenta o conceito GTi Surfboard no Festival de Velocidade de Goodwood



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Diretoria de Relações Externas e Peugeot Sport

A prancha, que recebe a denominação GTi, será uma das estrelas do estande da Marca no tradicional evento, que será realizado entre os dias 11 e 14 de julho em West Sussex, na Inglaterra.

O desenho desse projeto é inspirado no prazer de dirigir, em linha com os mais recentes veículos esportivos de alta performance da Marca, especialmente o novo 208 GTi, o RCZ R e o exclusivo conceito Onyx.

A prancha conceitual GTi, novo fruto do Peugeot Design Lab, foi concebida a partir da combinação de madeira, material tradicional na confecção das pranchas de surf clássicas, e fibra de carbono, elemento aplicado em toda a extensão do concept car Onyx. A prancha conta com barbatanas que partem das bordas laterais traseiras, conferindo um estilo moderno ao mesmo tempo que permite mais agilidade e fluidez nas manobras.

O design do projeto separa as duas extremidades da prancha de modo a expressar, de maneira harmoniosa, a assinatura “Motion & Emotion” da Marca. Dessa forma, a parte de trás apresenta um visual moderno e tecnológico, reforçado pela utilização de fibra de carbono, enquanto a parte da frente é talhada em madeira natural e nela é aplicada a denominação “Peugeot GTi”.

O Festival de Velocidade de Goodwood é um evento tradicional que reúne diversos carros de corrida históricos na subida de uma colina rumo a Goodwood House, localizada no condado de West Sussex, no sudeste da Inglaterra. A Marca estará presente com um estande no centro da exibição, que acontecerá entre os dias 11 e 14 de julho.

Peugeot Design Lab

Com um know-how adquirido em mais de 200 anos de criação industrial e mais de 120 anos de criação automotiva, a Peugeot lançou em Paris, em junho de 2012, o Peugeot Design Lab, um estúdio de design voltado para clientes externos, fora da área automotiva.

Trata-se de um estúdio de Global Brand Design cujo objetivo é desenvolver estratégias de marca fortes e coerentes para seus clientes. Sua principal missão é a concepção de produtos, serviços e experiências em todos os setores de atividades.

Mastra Atualiza logomarca


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Paula Skoretzky - Assessora de Imprensa

Acompanhando as tendências de inovação e tecnologia de seus produtos, a Mastra, marca mais lembrada pelos reparadores, atualizou sua identidade visual e estará gradativamente alterando suas embalagens em breve também.

A empresa, tradicional na fabricação de escapamentos e catalisadores há mais de 40 anos para o mercado de reposição, manteve as cores vermelha e branca, padrão já conhecido da empresa, na nova identidade visual, porém alterou completamente o leiaute utilizado anteriormente.

Deixamos nossa logomarca mais bonita e moderna, sem perder a linha que remete aos nossos produtos, com o desenho de um escapamento mais estilizado e mais fácil de identificar e as embalagens em breve seguirão o mesmo padrão”, explica Everaldo Sajioro Júnior, Diretor Presidente da Mastra.

Hoje a Mastra conta com mais de 2000 itens em seu portfolio de produtos entre escapamentos, catalisadores, flexíveis e acessórios para sistemas de exaustão, sendo 100 deles de fabricação exclusiva da marca, consolidando-se como a empresa que possui a maior e mais completa linha do setor, atendendo a todo o mercado de veículos nacionais e importados.

Todos os escapamentos e catalisadores produzidos pela Mastra são homologados e estão de acordo com as normatizações do INMETRO e em conformidade com a resolução do CONAMA 282 de 2001, comprovando a qualidade em todos os produtos oferecidos pela empresa ao mercado.

Honda participa da 21ª edição do Bikefest com line-up de alta cilindrada



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Linkpress Assessoria e Comunicação

A Honda é presença garantida no Bikefest 2013, entre os dias 26 e 30 de junho, na cidade de Tiradentes (MG). A tradicional festa do motociclismo completa 21 anos nesta edição e espera receber aproximadamente 20 mil pessoas e 8 mil motocicletas durante os quatro dias de atividades.

Para os apaixonados por velocidade que participarem deste grande encontro, a Honda apresentará seu desejado line-up de alta cilindrada, com os modelos nacionais CB 600F Hornet, CBR 600F, NC 700X, XL 700V Transalp, Shadow 750 e CB 1000R, além dos importados CBR 600RR, CBR 1000RR, VFR 1200X, VFR 1200F e GL 1800 Gold Wing. A marca também destaca a tecnologia exclusiva da recém-lançada scooter PCX e seus atributos que a tornam uma opção prática e moderna para o uso urbano.

Alan Batey nomeado Chefe Global da Chevrolet



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Imprensa GM do Brasil

A General Motors anunciou nesta terça-feira (25/06/2013), a nomeação de Alan Batey como vice-presidente sênior global da Chevrolet, marca responsável por mais de metade das vendas da companhia em todo o mundo. Batey também será responsável por liderar o departamento de Vendas, Serviços e Marketing da Chevrolet, Buick e GMC nos Estados Unidos.

Em sua posição de Chefe Global da Chevrolet, Batey se reportará ao Chairman e CEO da GM, Dan Akerson. No cargo de chefe de Vendas, Serviços e Marketing dos Estados Unidos, ele se reportará a Mark Reuss, Presidente da GM América do Norte. Batey passará a integrar também o Comitê Executivo de Operações da GM. Até então, ele era vice-presidente de Vendas, Serviços e Marketing dos Estados Unidos e chefe interino global de Marketing.

A Chevrolet vendeu mais de 1,18 milhão de veículos em todo o mundo no primeiro trimestre de 2013, alcançando seu décimo consecutivo recorde de vendas trimestrais de veículos. A marca vai lançar 25 novos veículos em todo o mundo até o final deste ano.

"A Chevrolet é nossa marca global de volume e com o crescimento que temos experimentado e a ofensiva de novos produtos que estamos lançando no mercado, está na hora de termos um único líder responsável por gerenciar a marca em todo o mundo," disse Akerson. "Alan Batey trabalhou em mercados por todo o mundo e demonstrou habilidade em entregar excelentes resultados. Ele sabe como manter equilibradas a consistência global da marca e a demanda local do consumidor."

Batey começou sua carreira na General Motors em 1979 como aprendiz de engenheiro mecânico na Vauxhall no Reino Unido. Ele ocupou posições de liderança no Reino Unido, Suíça, Oriente Médio, Holanda, Alemanha, Coréia e Austrália. Antes de ser nomeado para o cargo na Chevrolet nos Estados Unidos em 2010, Batey serviu como chairman e presidente da GM Holden na Austrália e Nova Zelândia.

Fatos Globais da Chevrolet
  •     Veículos Chevrolet são vendidos em mais de 140 países no mundo
  •     Em 2012, a Chevrolet vendeu 4.9 milhões de veículos no mundo
  •     Em 2012, a Chevrolet vendeu um veículo a cada 6,39 segundos em algum lugar do mundo
  •     Desde a sua fundação em 1911, a Chevrolet vendeu mais de 215 milhões de veículos em todo o mundo
  •     A Chevrolet é responsável por mais de 53% do volume global da GM e 73% do volume da GM nos Estados Unidos
  •     Veículos Chevrolet estão nas ruas em 73% do mundo

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Promoção Performance Cafe - 1 Par de Lâmpadas 2500k Super Yellow Inteiramente Grátis !!!



VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

Estaremos sorteando no dia 01 de Agosto de 2013 um par de lâmpadas 2500k Super Yellow.

Para participar de nossa promoção, basta clicar no botão verde "Quero participar", e depois curtir nossa fã page que você já estará concorrendo.

Link do sorteio: https://www.sorteiefb.com.br/tab/promocao/219302

Vem aí o 3º Campeonato Brasileiro de Envelopamento Automotivo


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Textofinal de Comunicação Integrada

Vinte e sete equipes de envelopadores automotivos na categoria Pro, 112 aplicadores iniciantes na categoria Fast e a presença do mais renomado envelopador mundial, o norte-americano [residente na Holanda] Justin Pate, são as principais atrações do 3º Cambea – Campeonato Brasileiro de Envelopamento Automotivo, que acontece durante a 23ª Serigrafia Sign FutureTextil, de 10 a 13 de julho, no Expo Center, em São Paulo.

Nos últimos cinco anos, diante da maciça presença de automóveis nas cores preto e prata e, mais recentemente, na cor branca, o envelopamento automotivo ganhou força nos principais mercados regionais do País, com simples detalhes coloridos ou com “cobertura” total do automóvel. Os números reais de carros envelopados não são conhecidos, mas já é perceptível nas principais ruas e estradas brasileiras.

O objetivo do Campeonato Brasileiro de Envelopamento Automotivo é mostrar aos proprietários que é possível ter um carro diferente e sair do lugar comum do preto e do prata. De outra parte, a competição incentiva o aperfeiçoamento técnico dos atuais profissionais e a entrada de novos aplicadores”, enfatiza Paulo Cecato, um dos organizadores do Cambea e diretor da Plásticos Alko, empresa idealizadora e promotora do evento.

Na categoria Pro, nove equipes [envelopador e ajudante] por dia vão mostrar sua técnica de aplicação, que será avaliada por uma banca de jurados comandada por Justin Pate. As 27 equipes já estão inscritas e são procedentes de 10 estados brasileiros. Cada equipe terá 1h30 para envelopar apenas uma das laterais de um Mitsubishi Lancer. No quarto dia do evento, as três equipes finalistas terão cinco horas para envelopar todo o carro.

Na categoria Fast, as inscrições individuais deverão ser feitas no estande do Cambea. O concurso vai avaliar o mais rápido com melhor acabamento em envelopamento apenas do capô do automóvel, em baterias de 15 minutos, com quatro competidores por vez. “Nesta categoria, vamos receber 28 participantes por dia, subdivididos em sete baterias, por dia, de quatro competidores. Ao final do quarto dia, com total de 112 inscritos, também teremos uma final entre os iniciantes”, explica Cecato.

Ainda no estande da competição, os organizadores mostram o Cambea LAB, onde estarão em funcionamento todos os equipamentos de um bureau de criação, técnicas de envelopamento e demonstrações também de como remover a adesivagem, devolvendo ao automóvel a sua pintura original, sem quaisquer danos.

Também no último dia do evento, Justin Pate vai mostrar aos visitantes do 3º Cambea a sua técnica de envelopamento. Pate é conhecido por personalização visual de automóveis dos principais astros esportivos e artistas norte-americanos.

Nissan inaugura Novo Centro de Treinamento


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Imprensa Nissan do Brasil

A Nissan inaugura hoje um novo Centro de Treinamento voltado para a capacitação técnica e de serviços da sua rede de concessionárias. Com investimento de mais de R$ 2 milhões em uma área de quase 2.000 m², a empresa amplia sua capacidade de treinamento para 4.200 profissionais por ano, um aumento de 70% comparado com o espaço anterior.

O novo Centro de Treinamento Nissan, que fica no km 2 da rodovia Vice-Prefeito Hermenegildo Tonolli, em Jundiaí - SP, é mais um passo no processo de estruturação da empresa para chegar em 2016 com 5% de market share no Brasil. Hoje com 165 concessionárias, a Nissan irá  ampliar a sua rede em mais de 40% no número de lojas nos próximos três anos, legando a 240 pontos.

Além da qualidade de nossos produtos, queremos também garantir a qualidade de serviços. A inauguração desse novo Centro de Treinamento tem papel fundamental para capacitação e reciclagem do conhecimento dos funcionários da nossa rede de concessionárias”, afirma François Dossa, presidente da Nissan do Brasil.

 “Com o novo espaço, conseguiremos manter o alto padrão de serviços Nissan, acompanhando o crescimento da rede de concessionárias. Nossa localização estratégica em Jundiaí facilitará muito o acesso de todos os profissionais que atuam em nossas concessionárias”, destaca Andrea Maia, gerente sênior de Qualidade de Vendas e Pós Venda.

O novo centro da Nissan oferece três tipos de treinamentos:

- Comerciais: treinamentos de produto, relacionado aos veículos da Nissan, diretamente ligados à área de vendas.

- Serviços: treinamentos para consultores de pós-venda, relacionamento com o cliente e de contato do cliente na concessionária.

- Técnicos: treinamentos que envolvem a tecnologia e mecânica do produto para os profissionais de oficina.

Ford testa "brake light" eletrônico que alerta os motoristas à distância


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br

 Por Imprensa Ford

A Ford está desenvolvendo um "brake light" eletrônico de alta tecnologia capaz de alertar os motoristas que vêm atrás, mesmo que estejam com a visão obstruída por uma curva ou outros veículos. Em situações de emergência, o "Electronic Brake Light" envia um sinal que acende uma luz no painel dos carros de trás, permitindo aos motoristas frear mais cedo e evitar colisões.

Este é um dos 20 sistemas com potencial futuro de aplicação desenvolvidos dentro do projeto Safety Intelligent Mobility (sim), na Alemanha, que tiveram seu funcionamento demonstrado em um evento em Frankfurt. Três animações que ilustram a sua operação estão disponíveis nestes links, em inglês: vídeo1, vídeo2, vídeo3.

Os testes de campo do projeto contaram com a participação de 500 motoristas e 120 veículos, incluindo 20 modelos Ford S-MAX. No total, foram registradas mais de 41.000 horas de testes e rodados 1,6 milhão de quilômetros, em vias públicas e pistas fechadas.

"A comunicação entre os carros e entre os carros e a infraestrutura viária representa um dos próximos grandes avanços na segurança veicular", diz Paul Mascarenas, vice-presidente de Pesquisa e Inovação da Ford. "A Ford está comprometida em avançar com os testes, na Europa e em todo o mundo, para torná-la uma realidade."

A Ford usou modelos S-MAX especialmente equipados para testar essa comunicação. Foram testados também o sistema de alerta de obstáculos, que indica a presença, posição e tipo de objetos potencialmente perigosos na pista, e o assistente de sinais de trânsito, que mantém contato com os centros de gerenciamento de tráfego para a atualização de informações.

O desenvolvimento do "Electronic Brake Light" foi liderado por engenheiros do Centro Europeu de Pesquisas da Ford em Aachen, na Alemanha. Outras tecnologias testadas dentro do projeto foram: 


  •     o Gerenciamento Público de Trânsito, que fornece previsões exatas do trânsito com base em diversas informações. Elas incluem a identificação de prováveis cenários de trânsito e seu impacto em cada ponto do trajeto quando ele for atingido, e não no momento da partida; e
  •     Acesso à Internet a Bordo, que permite, por exemplo, receber informação sobre vagas disponíveis de estacionamento ou conferir pontos de congestionamento usando imagens atualizadas das câmeras de trânsito.


Como líder global na pesquisa da comunicação entre carros e entre os carros e a infraestrutura viária, a Ford está envolvida nos testes de campo "DRIVE C2X", patrocinados pela Comissão Europeia, e contribui para o "Safety Pilot Model Deployment", nos Estados Unidos, um teste de campo com mais de 2.800 veículos em cooperação com a Universidade de Michigan.

Os resultados desses programas estão contribuindo para o objetivo da Ford de criar padrões globais de equipamento e mensagens e viabilizar essas tecnologias de forma mais rápida, eficiente e econômica.