segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Peugeot tem vitória tripla histórica no Dakar 2017 com 3008DKR


VISITE O SITE CARPOINT NEWS: www.carpointnews.com.br  


Depois de quase nove mil quilômetros de aventura pelo Paraguai, Bolívia e Argentina, os três novos Peugeot 3008DKR das duplas Peterhansel /Cottret, Loeb/Elena e Despres/Castera chegaram, nesta ordem, em Buenos Aires, e levaram os três primeiros lugares do Dakar 2017. A trinca histórica soma-se às cinco vitórias já obtidas nessa competição pela Peugeot, e acompanha idealmente o lançamento mundial do novo SUV Peugeot 3008.

Trinta anos depois de sua primeira vitória no Dakar, a Peugeot demonstra mais uma vez todo o seu know-how ao assinar uma tripla brilhante. Ao volante do Peugeot 3008DKR, a dupla          mais premiada da história do Dakar, Peterhansel/Cottret,  honrou as cores da bandeira tricolor no solo sul-americano ao longo de um percurso traiçoeiro navegação dificultada e condições climáticas inconstantes. A edição 2017 do Dakar foi marcada por inúmeras reviravoltas. Os líderes se sucederam sem nunca conseguir uma vantagem definitiva.

O número 13 é conhecido por dar azar. Raros são aqueles que ousam fazer dele um amuleto. Stéphane Peterhansel poderia ser um deles, depois de ter obtido sua décima terceira vitória no Dakar (seis de moto e sete de carro), melhorando ainda mais o seu recorde. Ao término de uma corrida quase perfeita, Stéphane Peterhansel e Jean-Paul levando Jean-Paul a bater o recorde de vitórias dos co-pilotos.


Na sua segunda participação no Dakar, a dupla Sébastien Loeb/Daniel Elena impressionou pelos progressos realizados, demonstrando ser a dupla mais rápida da prova e dominando tanto o ritmo da corrida como a navegação. Uma pane no motor na etapa 4 infelizmente lhe custou 26 preciosos minutos que foram decisivos na linha de chegada. Segunda na classificação, a dupla n°309 obtém pelo segundo ano consecutivo o título honorífico de melhores “performers”, com cinco vitórias de etapa num total de dez etapas disputadas.

Sétimos colocados no ano passado, este ano Cyril Despres gostinho de um pódio, como nos tempos em que corriam de moto (5 vitórias para o Cyril e um terceiro lugar para o David). A dupla do Peugeot 3008DKR n°307 obteve também a sua primeira vitória de carro numa especial do Dakar, chegando inclusive a liderar a classificação geral ao término de uma etapa bastante seletiva. Ela confirma assim sua incontestável progressão.

Depois de ter mais uma vez demonstrado sua velocidade de ponta, a dupla Sainz/Cruz infelizmente teve que abrir mão de ir até o fim do Dakar, justo no momento em que parecia prestes a assumir a liderança. Depois de ter capotado na etapa 4, a dupla espanhola foi obrigada a abandonar após o regresso ao bivouac de Tupiza. Infelizmente, não foi possível reparar o carro n°304 no prazo disponível.

Sucedendo ao Peugeot 2008DKR vitorioso no ano passado, o Peugeot 3008DKR fez bonito na sua estreia no rally-raid mais difícil do mundo. Diante dos veículos com tração nas quatro rodas da concorrência, o 3008DKR com tração em duas rodas demonstrou a pertinência das escolhas técnicas feitas pelo Team Peugeot Total. Apesar das mudanças desfavoráveis no regulamento (redução do restritor de turbo), o trabalho dos últimos meses no motor e nas suspensões deu resultado. Além disso, a adoção de uma carroceria proveniente do SUV Peugeot 3008 permitiu evoluções aerodinâmicas que favoreceram boas velocidades de ponta.

Histórico de vitórias em ouro maciço

Esta tripla realizada pelo Team PEUGEOT Total vem se somar ao já impressionante histórico de vitórias da PEUGEOT no Dakar. Trata-se da sexta vitória da Marca na competição, em sete participações, e da segunda tripla.

Fonte: Ogilvy Public Relations – à Serviço da Peugeot do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, opine.