sexta-feira, 14 de maio de 2021

Salão Duas Rodas será realizado em 2022

 

 VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

O Salão Duas Rodas, inicialmente programado para o período de 16 a 21 de novembro deste ano, no São Paulo Expo, tem nova data: 01 a 06 de novembro de 2022, no mesmo local. A Reed Exhibitions, organizadora do evento, com o apoio da Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares) e das principais marcas da indústria, decidiu realizar o evento em 2022. O motivo do adiamento é a essência deste evento, que requer experiências táteis, como testes de motos e acessórios, test rides e atrações que dificultam o distanciamento exigido neste momento de pandemia, e adequado ao público visitante do evento, que soma mais de 240 mil pessoas (B2C).

“Todos ainda estamos vivendo sob as severas consequências da pandemia. Diferente dos eventos focados em negócios, as características singulares do Salão Duas Rodas atraem um público de milhares de pessoas e promovem grande interatividade dos visitantes com atrações, test rides, arenas e shows. Por este motivo optamos por transferi-lo para 2022”, afirma Claudio Della Nina, presidente da Reed Exhibitions.

Em consenso com suas dez associadas do segmento de motocicletas, a Abraciclo apoia a decisão da Reed Exhibitions: “Está no DNA do Salão Duas Rodas promover encontros e experiências com o público. Tivemos uma edição espetacular em 2019, apontada como a melhor já realizada, e queremos superar isso no próximo evento. Acreditamos que em 2022 conseguiremos atender à expectativa do público, que é alta, com um Salão ainda mais completo, atrativo e interativo”, afirma Marcos Fermanian, presidente da associação.

Ecovagas e Stellantis firmam parceira para ampliar rede de recarga de veículos de propulsão elétrica


 VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

O projeto Ecovagas, uma iniciativa idealizada entre a Estapar, a maior rede de estacionamentos do País, e a Enel X, empresa de soluções energéticas da Enel Brasil, anuncia a chegada do Grupo Stellantis como o mais novo parceiro da primeira rede de recarga semipública para veículos híbridos e elétricos do País. A empresa disponibilizará os serviços em 200 pontos de recarga aos clientes dos futuros veículos elétricos Stellantis, que começam a chegar ao mercado brasileiro no segundo semestre do ano, com os modelos novo Peugeot 208 e-GT e Fiat 500e, além de outros modelos elétricos de marcas da Stellantis.

A Ecovagas é a empresa responsável pela gestão da maior rede semipública integrada em pontos premium de estacionamentos da Estapar nas regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Distrito Federal. Os equipamentos instalados trazem a tecnologia da Enel X e fornecem um carregamento inteligente, abastecendo 80% da bateria de um veículo elétrico em aproximadamente 3 horas.

“Temos um conceito de transformar nossos estacionamentos em hubs de mobilidade e com a Ecovagas temos a oportunidade de investir em novos negócios com foco na eletromobilidade. Queremos criar um ecossistema escalável e que apoie e fortaleça a infraestrutura do mercado automotivo para mobilidade elétrica, oferecendo aos nossos clientes e parceiros o que há de mais moderno e tecnológico dentro do setor”, afirma André Iasi, CEO da Estapar, controladora da Ecovagas.

quinta-feira, 13 de maio de 2021

Carro fora de linha desvaloriza acima da média?

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 Parece uma daquelas verdades absolutas: qualquer modelo do mercado automotivo que deixe de ser produzido é atacado imediatamente por uma profunda desvalorização. Seria real no meio automotivo da atualidade?

Na tese aceita pelo público e corroborada pelos especialistas, o fato de um determinado veículo parar de ser ofertado como zero km vai provocar desinteresse repentino no mercado de seminovos, elevando seu percentual de desvalorização. Nascida em um período em que a necessidade de troca de peças era muito mais frequente, e o dono de um carro fora-de-linha teria dificuldade em encontrar itens de reposição, essa “máxima” está com os dias contados.  

De acordo com um levantamento exclusivo da Mobiauto, start-up do segmento automotivo que mais cresceu em 2020, transformando-se em um dos três maiores marketplaces de carros usados do país, que levou em consideração as cotações de 64 modelos e versões (2019 e 2020) que foram tirados de linha durante a pandemia, a descontinuação não é mais uma condenação categórica à alta desvalorização desses modelos.

“Apenas 18 veículos tiveram quedas nos preços”, informa o especialista automotivo Sant Clair Castro Jr., CEO da Mobiauto, ressaltando que os demais até valorizaram no período de março de 2020 a abril de 2021. O campeão da alta de preços, inclusive, foi um modelo de alto luxo, o que quebra outro paradigma de que essa categoria de veículos possui sempre quedas acentuadas de cotações: o A3 Sedan Prestige Plus 1.4 TFSI Flex 2020 valia R$ 122.651 no início da pandemia e, mesmo após sua saída de produção, chegou a abril deste ano sendo vendido no mercado de usados a R$ 147.456 (alta de 20,22%).

Ainda de acordo com o departamento de Estatísticas da Mobiauto, a média de variação de todo o mercado automotivo foi de 7% neste período de pouco mais de um ano. “Isso significa que temos 20 modelos que deixaram de ser ofertados como zero km que valorizaram acima de toda a média de mercado, o que, certamente, vai surpreender a maioria dos consumidores. Mas isso não chega a ser uma novidade aqui na Mobiauto: já havíamos notado que essa relação entre carros descontinuados e alta depreciação não era mais obrigatória há algum tempo”, explica Castro Jr.  

Renault inaugura Garagem Fotovoltaica no Complexo Industrial Ayrton Senna

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

A Renault inaugura no Complexo Industrial Ayrton Senna o projeto Garagem Fotovoltaica, uma iniciativa para permitir a recarga de baterias de veículos elétricos de forma 100% sustentável e limpa. O modelo, desenvolvido em parceria com as empresas ABR Energias, BRAFER, Sistema Fiep e WEG, pode gerar 8,67 MWh/ano, quantidade que permite a recarga de até 167 baterias de diversos veículos elétricos como é o caso do novo Zoe E-Tech. Isso representa a possibilidade de rodar até 60 mil quilômetros ao ano, evitando a emissão de 1 tonelada de CO2 no meio ambiente.

“Essa é mais uma iniciativa da Renault do Brasil para reduzir a pegada de carbono, alinhada com a nova política de responsabilidade socioambiental apresentada pelo Renault Group”, explica Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

O projeto foi idealizado por alunos das Faculdades da Indústria, dentro do Renault LAB, e envolveu equipes multidisciplinares para o desenvolvimento da solução.

As premissas do projeto envolvem a captação de energia solar, permitindo o armazenamento em bateria de segunda vida ou envio do excedente em créditos para a rede, a viabilidade econômica e a neutralidade de carbono.

O desenvolvimento da Garagem Fotovoltaica, por sua vez, envolveu a construção de protótipos, a modelagem tridimensional do projeto e o cálculo de estruturas, bem como toda a arquitetura eletrônica. O projeto segue em evolução constante junto das empresas parceiras. 

terça-feira, 11 de maio de 2021

Jeep é líder em SUVs com 22,7% de participação de mercado em abril

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

No mês em que a Jeep® celebrou seu dia (Jeep Day em 04/04), a marca teve inúmeros motivos para comemorar. E não é para menos, já que manteve a liderança absoluta entre os SUVs, garantindo 22,8% de participação no acumulado do ano no segmento. Os modelos da marca fabricados no Polo Automotivo Jeep (Goiana/PE), Renegade e Compass, também fizeram bonito e seguem sendo número um de suas categorias, se posicionando entre os veículos mais vendidos do Brasil. Além disso, o mês de abril também foi marcado pelo anúncio de várias novidades da marca.

No Jeep Day foram lançadas as novas Séries Especiais 80 Anos dos importados Wrangler e Grand Cherokee e dos nacionais Renegade, em que foi lançada a plataforma de serviços conectados Adventure Intelligence, e Novo Compass (em pré-venda na data do evento). No total foram 12.147 unidades Jeep vendidas em abril, das quais 5.504 Compass e 6.634 Renegade. Este último também carrega o título de SUV mais vendido do mês e do ano, com 16,5% da fatia dos SUVs Compactos em 2021 até final de abril. 

O Compass, que representa 62,7% dos utilitários esportivos médios no acumulado do ano até final de abril, conquistou outro importante feito em abril: esgotou o lote inicial da pré-venda da nova geração do modelo em apenas 48 horas: foram 1.000 unidades da Série Especial 80 Anos comercializadas* no período. E não para por aí: ao abrir a ação comercial para outras versões turbo flex e turbo diesel, bateu o número de mais de 5 mil unidades vendidas* antes mesmo do seu lançamento. O Novo Compass foi lançado em 28 de abril trazendo ainda mais performance, design, sofisticação e tecnologia.

*carros vendidos, mas ainda não emplacados

Fonte: Releases Stellantis

 

 

Novo Nissan Versa segue em crescimento constante e registra melhor desempenho desde seu lançamento no Brasil

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

A tecnologia, o design e o conforto do Novo Nissan Versa conquistaram os brasileiros e o sedã segue evoluindo constantemente no país desde seu lançamento no fim de outubro do ano passado. E o resultado é que no mês passado, o modelo atingiu a sua maior participação de mercado no Brasil, com 5,7% das vendas do segmento. Este número é ainda mais significativo porque o sedã não está sendo oferecido para frotas, que absorvem uma parte deste segmento. Tanto que considerando apenas vendas no varejo, o Novo Nissan Versa atinge 8,7% de participação.

"O Novo Versa é um sucesso inclusive com consumidores de sedãs de segmentos superiores. Seu conteúdo tecnológico e nível de conforto realmente desafiam os conceitos que existiam até agora. Sem falar do design, que é diferenciado. Estamos entre os carros mais vendidos no varejo em 68 das 120 praças de comercialização da Nissan no Brasil. Nosso desafio é atender ao crescente aumento da demanda pelo nosso sedã", afirma Tiago Castro, Diretor Sênior de Vendas e Marketing da Nissan do Brasil.

O Novo Nissan Versa acelera em todo o mercado nacional, mas vai além em importantes cidades do país. Está, por exemplo, acima dos 10% no Rio de Janeiro, Brasília, Campinas, Ribeirão Preto, Belém, João Pessoa, Joinville e São Luis.

Fonte:  Sala de Imprensa da Nissan

 

Dia do automóvel: como pandemia transformou a tecnologia automotiva

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

Hoje, além das montadoras, - que desenvolvem o carro -, existem empresas como a LogiGO que fornece tecnologia automotiva para os veículos, ou seja, são negócios criados para simplificar a experiência do motorista e oferecer mais comodidade. Segundo Antonio Azevedo, CEO da LogiGO, tecnologias como compras de produtos diretamente da tela do veículo, agendamento de manutenção na oficina mais próxima e serviços por marketplace são possíveis graças ao avanço das soluções na central multimídia.

Apesar de ter realizado um downsize em 2020, por conta da pandemia que travou o mercado automotivo, a empresa conquistou novas contas importantes em 2021 e tem feito lançamentos. O mais recente é o novo T4 da Troller. O executivo que lidera a LogiGO, companhia com 35 colaboradores, já faturou mais de R$ 238 milhões nos últimos três anos entre parcerias com as principais montadoras do país: Toyota, Nissan, Mitsubishi, Troller e Ford.

Com um mundo cada vez mais conectado, a Volkswagen tem transformado seus carros na extensão do smartphone. A central multimídia VW Play, desenvolvida inteiramente pela filial brasileira, oferece aos usuários aplicativos que antes eram restritos ao celular. É o caso do app 12min, que condensa os pontos mais importantes de livros de não-ficção em áudio e texto. "Fechamos essa parceria com a Volks em 2020 e achamos sensacional a ideia do usuário ter o app em seu carro de forma totalmente independente, uma vez que o deslocamento é um dos momentos em que nossos usuários mais utilizam para ouvir nossos microbooks e transformar o tempo outrora perdido no trânsito em experiências de aprendizado", explica Guilherme Mendes, CEO do 12min. 

Carro Elétrico: Realidade ou utopia?

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 Por Renato Romio, Chefe da Divisão de Motores e Veículos do Instituto Mauá de Tecnologia (IMT)

Nos últimos anos, os carros elétricos têm sido o hit entre as montadoras e consumidores, principalmente nos países desenvolvidos. As principais feiras e eventos do setor automobilístico mostram todos os anos as novidades do gênero, indicando que o futuro da mobilidade será elétrico. Até este ponto há consenso entre todos que atuam no setor, porém as divergências e dúvidas começam quando surgem as perguntas sobre qual tipo de veículo elétrico.

Os veículos elétricos que utilizam apenas baterias para fornecer energia para o motor têm um grande problema: a própria bateria. O conjunto do veículo é mais simples em relação a um veículo convencional que utiliza apenas o motor de combustão interno, mas a bateria acaba prejudicando a ideia, pois ela é muito cara, demora para ser carregada e possui uma durabilidade menor que a do carro comum. Isso faz com que os veículos elétricos apresentem preços maiores e levam os fabricantes a considerarem diminuição no volume de vendas no futuro.

O problema do custo e da forma de operação estão sendo enfrentados, mas ainda não há previsão para que a tecnologia se torne popular, principalmente em países em desenvolvimento. Os cientistas e engenheiros estão incansavelmente buscando soluções e elas estão surgindo, como baterias melhores, células de combustível ou mesmo aquelas que consideram ainda a utilização do velho motor de combustão interna.

Embalagem MTE-THOMSON com indicação de norma ABNT

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

Quem trabalha com os produtos da MTE-THOMSON já deve ter notado que na aba interna da embalagem tem impressa a recomendação da norma técnica ABNT NBR 15681:2009 para a aplicação do produto.

A norma ABNT 15681 - “Veículos Rodoviários Automotores – Qualificação de Mecânico de Manutenção” trata de informações para os reparadores saibam qual a formação eles precisam ter para que ofereçam um bom serviço e administrem bem sua oficina.

O objetivo da indicação na embalagem da MTE-THOMSON é para que os reparadores tenham conhecimento que existe uma norma, desenvolvida por uma comissão especializada, formada por profissionais capacitados do setor, fornecendo informações corretas, assegurando que a manutenção realizada nos veículos, seja corretiva ou preventiva terá embasamento técnico, dando mais segurança para o reparador desempenhar plenamente sua função.

A norma traz um quadro de orientação para que o mecânico saiba o que ele precisa ter de conhecimento, tanto para manutenção em veículos ciclo Otto como também em veículos Diesel. 

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Harley-Davidson do Brasil dá dicas de frenagem

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 A maioria dos apaixonados por motocicletas, quando criança, provavelmente sonhava com velocidade sobre duas rodas, “voando” pela estrada ou até mesmo arrastando o joelho nas curvas fechadas de uma pista de corrida (não tente fazer isso em casa!). Mas qual seria o resultado dessa história caso não fosse possível parar com segurança? Com certeza não acabaria bem.

Parar com segurança pode ser a competência mais importante que você pode ter quando estiver pilotando. Atualmente, tecnologias avançadas — como freios ABS e o Sistema Reflex™ de Pilotagem Defensiva (RDRS) da Harley-Davidson — podem tornar isso mais fácil do que nunca. Mas técnicas e práticas fundamentais de frenagem continuam sendo fundamentais para qualquer motociclista.

MANTENHA DISTÂNCIA
Uma das melhores coisas que você pode fazer quando se trata de parar é ter certeza de que não precisará frear mais repentinamente do que o necessário. Para isso, é preciso manter a distância adequada do veículo à sua frente. Lembre-se, a distância de parada inclui o tempo e a distância de que você precisa para identificar e reagir ao que pode acontecer. Manter uma distância mínima de dois segundos atrás do veículo à sua frente irá minimizar a necessidade de frear com mais força do que você gostaria.

PARE EM LINHA RETA
Considerando-se que todas as condições sejam iguais, a maneira mais segura de parar é em linha reta, em uma pista lisa e seca. Então vamos começar por aí. Para uma parada básica que não seja de emergência, mantenha sua motocicleta na posição mais vertical possível e acione os dois freios de forma suave e controlada. Acione a embreagem e reduza a marcha conforme for desacelerando, de modo a engatar a primeira marcha no momento em que você parar.

Início bem sucedido do novo ano fiscal para a marca Volkswagen

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 A Volkswagen começou o ano de 2021 com sucesso, apesar da escassez global de semicondutores e das restrições ocasionadas pela pandemia do coronavírus. A receita de vendas no primeiro trimestre em todo o mundo cresceu 5,4%, chegando a 20 bilhões de euros. Após a queda relacionada à pandemia para 481 milhões de euros em 2020, o lucro operacional chegou a 900 milhões de euros. O retorno operacional sobre as vendas também passou para 4,5% (ano anterior: 2,5%).

"Conseguimos levar o impulso do segundo semestre de 2020 para o novo ano - apesar dos contínuos desafios colocados pela pandemia e pela escassez global de semicondutores. A evolução em todos os indicadores-chave de desempenho mostram que nossa estratégia ACELLERATE e o rigoroso gerenciamento de custos dos últimos meses estão ganhando força. Com base nisso, continuaremos sistematicamente a conduzir nossa transformação com foco na e-mobilidade e na digitalização", afirmou Ralf Brandstätter, CEO global da Marca Volkswagen.

Recuperação na América do Sul, América do Norte e Rússia

Os planos de recuperação para as regiões também estão tendo efeito e resultaram em uma tendência positiva no primeiro trimestre: o resultado operacional nas Américas do Norte e do Sul, bem como na Rússia, tiveram melhora. A Volkswagen planeja atingir o ponto de equilíbrio neste ano nos EUA e na América do Sul.

Fonte:  Volkswagen do Brasil

ANFAVEA: Produção e exportações no primeiro quadrimestre crescem num ritmo superior ao das vendas internas

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 Apesar de todas as dificuldades ocasionadas pela segunda onda da pandemia no Brasil e dos gargalos na produção, a indústria automobilística vem conseguindo manter um bom ritmo de atividades. A produção de autoveículos em abril foi de 190,9 mil unidades, 4,7% abaixo de março, mas num mês que teve três dias úteis a menos que o anterior.

A comparação de números com abril de 2020 é descabida, pois foi o mês da paralisação geral das fábricas e concessionárias. Logo, a melhor referência é o volume acumulado do ano, e nele a produção de 788,7 mil unidades superou em 34,2% o resultado do primeiro quadrimestre do ano passado. "Devemos ressaltar a resiliência da cadeia automotiva num momento de crise, em especial das áreas de logística, compras e planejamento de produção das nossas associadas", afirmou o Presidente da ANFAVEA, Luiz Carlos Moraes.

Também merece destaque o desempenho das exportações, com crescimento de 34,7% no acumulado do ano. Ao todo foram embarcados 33,9 mil autoveículos em abril e 129,6 mil no ano. Os envios cresceram para a maioria dos mercados, em especial para a Colômbia.

As vendas internas também tiveram crescimento no quadrimestre, na comparação com produção e exportações. Foram licenciados 175,1 mil veículos em abril e 703 mil no acumulado, uma alta de 14,5% sobre os primeiros quatro meses de 2020. Caminhões e comerciais leves (picapes, principalmente) tiveram alta acima de 40% no total de emplacamentos de 2021, desempenho bem superior ao de ônibus (13,2% de crescimento) e de automóveis (7,7%).

quinta-feira, 6 de maio de 2021

My Ami Cargo, uma solução de entregas elétrica, inédita da Citroën

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

 A família Ami cresceu com a chegada da versão utilitária My Ami Cargo, uma solução econômica; inovadora, elétrica, ultracompacta e pensada para atender as novas necessidades dos profissionais, desde a entrega de pequenas encomendas em trajetos curtos, em meio urbano, até deslocamentos internos em instalações industriais.

“O My Ami Cargo oferece uma resposta engenhosa para os novos desafios dos profissionais que precisam de um veículo astucioso, funcional, elétrico e econômico para o transporte de objetos. Além de proporcionar um volume de carga prático e modular, ele oferece uma solução de mobilidade elétrica, ágil, segura e única. É um veículo que traz uma solução concreta para as entregas do último quilômetro, especialmente para as pequenas encomendas, que tiveram um crescimento exponencial nos últimos meses.  My Ami Cargo possui um verdadeiro potencial comercial, como demonstram os primeiros contatos promissores estabelecidos com diversos parceiros comerciais.  É um produto que vem completar a gama dos veículos utilitários da Citroën, todos eles agora também disponibilizados na versão elétrica.”

Laurence Hansen - Diretora de Produto e Estratégia da Citroën

A SOLUÇÃO ADAPTADA AOS NOVOS USOS PROFISSIONAIS

As limitações impostas aos deslocamentos urbanos, a necessidade de dispor de uma solução zero emissão e o forte aumento da demanda de entregas de encomendas levaram a Citroën a desenvolver o My Ami Cargo, a versão utilitária do Ami. É a solução ideal, elétrica, manobrável, prática e econômica para que os profissionais possam organizar seu trabalho com tranquilidade, graças a uma solução inovadora no mercado.  

Stellantis lança programa piloto de venda de automóveis a produtores rurais com pagamento em grãos

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

A Stellantis acaba de criar uma nova modalidade de venda de veículos ao setor do agronegócio por meio de operações barter trade - do inglês, troca ou permuta. A nova forma de negócios contempla produtores rurais que poderão adquirir modelos da Fiat, Jeep e Ram mediante o pagamento fixo e liquidado em grãos como soja, commodity cotada internacionalmente.

 “Essa parceria inovadora incrementará as vendas da Stellantis no setor do agronegócio e permitirá aos produtores rurais a renovação de frotas e aquisição de veículos de maneira facilitada. A modalidade da operação barter trade será uma maneira ágil para fomentar negócios com produtores rurais, uma vez que utilizará uma modalidade de pagamento com a qual eles já estão familiarizados. É um modelo de negócio que oferece segurança e previsibilidade aos produtores”, afirma Fabio Meira, diretor de Vendas Diretas da Stellantis.

 As operações barter trade se baseiam na troca de mercadorias, mas são mais complexas do que a prática de escambo, historicamente conhecida. A transação ocorre envolvendo a definição do valor do bem a ser adquirido, cotação básica da commodity agrícola a ser usada como pagamento, seguro, aquisição do bem e, ao fim, liquidação financeira. 

 Nesta primeira fase do projeto, 1,2 mil produtores de soja do Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Bahia, Paraná e Pará foram selecionados e podem se habilitar à compra dos veículos.

Emplacamentos de veículos têm alta de 6,73% em abril, segundo Fenabrave

 

VISITE O SITE CARPOINT NEWS : www.carpointnews.com.br

O comércio de veículos continua dando amostras de seu poder de recuperação e reinvenção durante a maior crise pandêmica das últimas décadas. Embora, o segmento ainda apresente retração, o setor em geral cresceu 6,73% no mês de abril em relação a março, de acordo com dados da Federação Nacional de Distribuidores de Veículos Automotores (Fenabrave), divulgados no último dia 4 de maio.

Mesmo as quedas de 7,45% em abril  (163.902 emplacados) nas transações de automóveis e comerciais leves zero km e de 10,31% de usados (821.159 unidades), não foram suficientes para negativar o quadrimestre de 2021. Pelo contrário, no acumulado de janeiro a abril deste ano sobre o mesmo período de 2020, ambos os setores apresentaram alta, tendo crescimento de 13,34% nas comercializações de carro zero e 40,28% nos carros usados.

E se compararmos somente o mês de abril de 2021 com o mesmo abril de 2020, o crescimento é ainda mais significativo. Salto de 219,22% nas transações de veículos novos e de 463% de veículos usados.

Para Thiago Maia, diretor da Carbel Japão, uma das maiores concessionárias da Nissan no Brasil, os números refletem o poder de resiliência e solidez do mercado automobilístico. Com duas lojas na capital mineira, a concessionária pertencente ao Carbel Auto Group, tem enfrentado os gargalos do setor com força de vendas e muita criatividade. A expectativa da empresa para esse ano é bastante positiva e prevê para 2021 um faturamento superiror a R$ 300 milhões, mesmo patamar de 2019, período anterior à pandemia.